terça-feira, 7 de abril de 2020

Covid-19: SENAI e indústrias brasileiras vão produzir 500 mil máscaras-escudo para profissionais de saúde


A corrida agora é contra o tempo. Até sexta-feira (10), 50 indústrias do país vão entregar 500 mil máscaras de acrílico (face shield) para profissionais de saúde. Semelhantes a escudos contra o coronavírus, esses materiais se tornaram essenciais nessa época de pandemia, já que protegem uma área maior do rosto. A expectativa é que também sejam produzidas luvas e toucas. 
As máscaras serão produzidas pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) de Santa Catarina e pela Associação Brasileira da Indústria da Ferramenta (Abinfer). O modelo de produção das duas redes vai permitir a confecção de 360 unidades por hora. Além de Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Paraná, São Paulo e Minas Gerais fabricam 12 moldes da máscara, que posteriormente serão distribuídos para as parceiras que farão a injeção termoplástica, nome dado ao processo para moldar componentes de plástico.
A produção desses moldes pode ser complementada por indústrias ou empresas fabricantes de polipropileno, aço (para confecção dos moldes), elástico (para fixação da proteção facial), caixas de papelão (para embalagem) e itens comumente utilizados na impressão 3D, como PETG, acetato, policarbonato e ABS transparentes para a viseira. Doações também são bem-vindas, já que a produção desse equipamento de proteção individual (EPI) não é barata. O custo de cada máscara-escudo fica entre R$ 14 e R$ 15 – os 500 mil EPI’s custarão cerca de R$ 7,5 milhões. Para saber como ajudar, acesse o site do SENAI do seu estado. 

No Amapá, a produção da máscara-escudo ocorre por meio de impressoras 3D. Com a proteção facial, o usuário pode se proteger de doenças transmitidas por substâncias corporais, como respingo de sangue, secreção corporal ou saliva. O coordenador Tecnologia e Inovação do SENAI Amapá, José Reinaldo do Nascimento, explica que a vantagem desse tipo de equipamento é que ele pode ser usado diversas vezes, se higienizado e esterilizado corretamente. 
“É extremamente seguro. As máscaras são feitas de acrílico de dupla proteção, que evita o contato com gotículas que possam atingir o rosto, nariz, boca e olhos, evitando, assim, que o vírus seja transmitido ou recebido”, detalha. 

Saúde como prioridade

Em nível nacional, o SENAI lançou o edital de inovação para a indústria, que serão investidos em projetos destinados a prevenir, diagnosticar e tratar a covid-19 e sejam de aplicação imediata. As propostas podem abordar temas como: ampliação do número de respiradores; desenvolvimento de testes de detecção do vírus e de equipamentos de proteção individual (EPIs) que possam substituir máscaras, luvas e sabonetes; reposição de peças e componentes utilizados em unidades de terapia intensiva (UTIs), entre outros. 

O investimento disponível para empresas e startups chega a R$ 30 milhões, se somadas as duas chamadas da licitação, e cada projeto Os projetos devem ter aplicação imediata e produzir efeitos em até 40 dias. 
“A nossa atuação será no suprimento desses problemas, como os testes rápidos para a detecção da doença. No isolamento, ter uma gama ampla desses testes vai ser de grande importância, bem como a fabricação de ventiladores (respiradores)”, afirma o diretor geral do SENAI, Rafael Lucchesi.
Para participar do edital de inovação, as proposições podem ser realizadas por meio do WhatsApp, no número (61) 99628-7337 ou pelo e-mail
combatecovid19@senaicni.com.br.


A instituição também se uniu a dez multinacionais para manter em funcionamento os respiradores em uso. Haverá 25 pontos para recolher os aparelhos em todo país. Dez dessas unidades de manutenção são da rede SENAI, enquanto as outras 15 ficam a cargo das indústrias participantes da ação.  Os estados com os pontos da Iniciativa +Manutenção de Respiradores são Bahia, Ceará, Espírito Santo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo.



Agência do Rádio

Pernambuco tem 352 pessoas infectadas com o novo coronavírus com 34 mortes confirmadas até a tarde desta terça-feira (07)



Segundo boletim divulgado na tarde desta terça-feira (07) o Governo de Pernambuco confirmou mais 129 casos da Covid-19, recorde de resultados liberados em um único dia, totalizando 352 pessoas positivas até o momento. 

O aumento nas confirmações demonstra a ampliação da testagem do novo coronavírus em Pernambuco. Além do Laboratório Central de Saúde Pública de Pernambuco (Lacen-PE), que teve 69 testes positivos, os laboratórios privados voltaram a ter capacidade de testagem, conseguindo liberar 60 resultados positivos que estão inclusos neste boletim.

As unidades privadas comunicam o Estado sobre a confirmação dos exames realizados em até 24 horas. No entanto, muitos dos laboratórios privados não processam exames nos finais de semana, ou seja, muitos desses casos foram acumulados ao longo do final de semana.

Dos 352 casos confirmados, 166 estão em isolamento domiciliar e 120 internados (26 em UTI/UCI e 94 em leito de isolamento). Outros 32 já estão recuperados. Os casos confirmados estão distribuídos por 25 municípios (Cabo de Santo Agostinho, Camaragibe, Jaboatão dos Guararapes, Igarassu, Moreno, Olinda, Paulista, Recife, São Lourenço da Mata, Vitória de Santo Antão, Bom Jardim, Lagoa do Carro, Paudalho, Catende, Palmares, Velo Jardim, Caruaru, Cachoeirinha, Salgueiro, Petrolina, Aliança, Goiana, Macaparana e Timbaúba), além do Arquipélago de Fernando de Noronha e da ocorrência de pacientes em outros Estados e países.

Neste boletim, ainda foram confirmados 4 óbitos, 1 ocorrido no dia 03.04 e 3 em 04.04. Com isso, sobe para 34 o número de mortes pelo novo coronavírus. Os últimos pacientes confirmados, que têm idades entre 51 e 85 anos, são:

1 - Sexo masculino, 85, do Recife. Faleceu em 03.04. Era tabagista, cardiopata e teve AVC anteriormente.

2 - Sexo feminino, 68, de Catende. Óbito em: 04.04. Era cardiopata e tinha hipertensão e diabetes.

3 - Homem, de 73 anos, de Macaparana. Óbito em 04.04. Era tabagista, hipertenso e diabético.

4 - Homem, 51 anos, do Recife. Óbito em 04.04. Tinha doença hepática e era transplantado renal.

TESTES PRODUZIDOS EM PE - O Instituto Aggeu Magalhães (IAM/Fiocruz-PE) desenvolveu um teste In House para auxiliar no diagnóstico da Covid-19 em Pernambuco. O novo kit já começou a ser utilizado na última segunda-feira (06.04) pelo Laboratório Central de Saúde Pública de Pernambuco (Lacen-PE) e será complementar aos envios feitos pelo Ministério da Saúde. O teste é similar ao kit desenvolvido por Bio-Manguinhos, na Fiocruz do Rio de Janeiro. Ele se baseia no mesmo princípio de detecção de um fragmento do genoma do novo coronavírus (Sars-CoV-2), por meio da amplificação exponencial do material genético do vírus nas amostras biológicas coletadas de pacientes em investigação, possibilitando confirmar ou descartar o caso.

“Seguimos trabalhando firmes para dotar a rede estadual de saúde de mais exames. O Instituto Aggeu Magalhães, brilhantemente, conseguiu fazer um kit de exame para a covid-19 In House, produzido aqui mesmo em Pernambuco e seguindo os mais altos padrões. Graças a esta parceria, a instituição vai auxiliar ainda mais o Estado nesse tipo de insumo, que, pela demanda mundial, vem sendo cada vez mais difícil de adquirir. Mais uma vez, quero agradecer o empenho e dedicação de todos que fazem a Fiocruz-PE”, afirmou o secretário André Longo.  

A vice-diretora de pesquisa da Fiocruz-PE, Constância Ayres, explica que foram realizadas avaliações para verificar a eficácia desse teste In House. Para isso, o Lacen-PE disponibilizou amostras positivas e negativas da Covid-19 e a Fiocruz fez a comparação dos resultados produzidos pelos dois testes, validando a eficácia do teste pernambucano. O material já está em uso no Lacen-PE, numa primeira produção com capacidade para 2 mil testagens.

É importante destacar que para utilizar o teste produzido no Estado, o Instituto Aggeu Magalhães está comprando os mesmos kits de extração do RNA e purificação do material genético, que são necessários numa etapa anterior ao teste. Esse material tem que ser utilizado em conjunto com o material que está em produção pela Fiocruz PE.

PL apoiará reeleição da prefeita Raquel Lyra em Caruaru


O presidente estadual do Partido Liberal (PL), Anderson Ferreira, anunciou o apoio à reeleição da prefeita de Caruaru, Raquel Lyra (PSDB), nas eleições municipais deste ano. A decisão foi tomada em conjunto com o deputado federal Fernando Rodolfo, que é vice-presidente do partido e tem base eleitoral na Capital do Agreste. A aliança entre PL e PSDB reforça o bloco de oposição no Estado.

“Nosso partido reconhece o ótimo trabalho que Raquel vem realizando em Caruaru, e seu partido, o PSDB, já é um grande parceiro nosso. Com essa aliança, vamos contribuir para o avanço das políticas públicas, montando um programa de governo com propostas nas áreas social, da educação e saúde, sobretudo para atender à população mais vulnerável”, ressaltou Anderson Ferreira.

Para o deputado Fernando Rodolfo, a vitória de Raquel Lyra nas próximas eleições terá um grande significado para o campo da oposição no Estado. “Todas as nossas lideranças estão envolvidas no projeto da reeleição da prefeita. Além de Caruaru seguir bem administrada nos próximos quatro aos, o bloco de oposição se manterá à frente de um dos principais municípios de Pernambuco”, destacou o parlamentar.

segunda-feira, 6 de abril de 2020

Militantes da Causa Animal mobilizam doação de rações para os abrigos de Jaboatão


Dezenas de abrigos de Jaboatão dos Guararapes estão passando por necessidades neste período de pandemia. Muitas protetoras alimentavam cães e gatos vendendo produtos e alimentos nas ruas e agora estão impossibilitadas de trabalhar. 

“Eu saia de casa todos os dias para vender canetas em vários pontos de Jaboatão e Recife para alimentar 17 gatos e 02 cachorros que tirei das ruas e estão em abrigo. Hoje estou há mais de 15 dias em casa sem vender nada e precisando alimentar os animais”, disse Jailma Alves, 54 anos e moradora de Barra de Jangada. 

Adrelina Barata da Silva é moradora de Curcurana. Ela tem um abrigo com 33 gatos e 08 cachorros. “Estou passando por uma situação muito difícil. Não tenho como alimentar mais os animais. Diariamente eu vendia tapiocas no Recife, mas com essa pandemia não estou saindo mais e preciso muito de ajuda”, diz Adrelina.

A protetora Claucione Lemos, que milita na causa há 20 anos incomodada com a situação, resolveu mobilizar a sociedade para ajudar esses abrigos. “Eu sei que estão passando dias difíceis. Muita gente vendia algo para sustentar os abrigos e hoje não pode sair de casa. Outras pessoas que ajudavam também não estão indo mais. Os animais estão morrendo de fome. Estamos pedindo ajuda da população para ajudar esses lares PETs. Nós vamos buscar até na residência da pessoa”, conclama Lemos.


Mais informações: 

Claucione Lemos 982704500- Protetora e Coordenadora da Ação

Em novo boletim, Secretaria de Saúde de Pernambuco confirma mais 22 casos de Covid-19.



A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) informa que confirmou, nesta segunda-feira (06/04), mais 22 casos da Covid-19 no Estado, subindo para 223 ocorrências da doença.

Os municípios foram Recife (8), São Lourenço da Mata (4), Jaboatão dos Guararapes(2), Olinda (2), Paudalho (2), Camaragibe (1), Cachoeirinha (1) Caruaru (1), Lagoa do Carro (1). 

Entre os casos novos, 8 são do sexo masculino e 14 do feminino, com idades entre 15 e 92 anos de idade.

Do total de casos confirmados, 101 estão em isolamento domiciliar e 67 internados, sendo 23 em UTI/UCI e 44 em leitos de isolamento. Outros 25 pacientes já estão recuperados.

Os casos confirmados estão distribuídos por 17 municípios (Recife, Jaboatão dos Guararapes, Olinda, Cabo de Santo Agostinho, Camaragibe, Paulista, São Lourenço da Mata, Lagoa do Carro, Paudalho, Palmares, Belo Jardim, Caruaru, Cachoeirinha, Petrolina, Ipubi, Aliança e Goiana), além do Arquipélago de Fernando de Noronha e da ocorrência de pacientes em outros Estados e países.

Em relação aos óbitos mais 9 foram confirmados laboratorialmente, totalizando 30 mortes pela doença em Pernambuco. Sendo 7 do sexo feminino e 2 do sexo masculino.

Importante ressaltar que os óbitos ocorreram entre os dias 27 de março e 5 de abril.

Os novos óbitos confirmados neste boletim são:

1- Sexo feminino, 33 anos, puérpera. Moradora do Recife. Data do óbito: 05/04 em hospital privado, resultado confirmado para Covid-19 em 01/04 

2- Sexo feminino, 52 anos, profissional de saúde. Residente em Camaragibe. Data do óbito: 04/04 em UPA. Iniciou sintomas no dia 28/03, apresentando febre, tosse, dispneia, desconforto respiratório e Saturação < 95%. Resultado confirmado para Covid-19 em 05/04.

3- Sexo feminino, 57 anos. Residente no Recife. Data do óbito: 04/04. Resultado confirmado para Covid-19 em 04/04. Paciente com solicitação de exame do Hospital da Mulher.

4- Sexo feminino, 83 anos. Residente em Jaboatão dos Guararapes. Data do óbito: 04/04. Iniciou sintomas de febre, tosse, dispneia e saturação < 95% em 01/04. Resultado confirmado para Covid-19 em 05/04

5- Sexo masculino, 15 anos, morador de São Loureço da Mata. Data do óbito: 27/03. Iniciou sintomas febre, tosse, dispneia e saturação < 95% em 20/03. Resultado positivo para Covid-19 em 05/04.

6- Sexo masculino, 65 anos, morador de Paudalho. Data do óbito: 04/04. Iniciou sintomas de dispneia e desconforto respiratório em 21/03. Resultado positivo para Covid-19 em 05/04.

7- Sexo feminino, 84 anos, São Lourenço da Mata. Data do óbito: 03/04. Iniciou sintomas de febre, dispneia, desconforto respiratório em 01/04. Resultado positivo para Covid-19 em 05/04

8- Sexo feminino, 72 anos, moradora de Lagoa do Carro. Data do óbito: 05/04. Iniciou sintomas de febre, tosse, dispneia e desconforto respiratório em 26/03. Solicitação de
exame realizada pelo Hospital do servidor, com resultado confirmado para Covid-19 em 04/04.

9- Sexo feminino, 42 anos, São Lourenço da Mata. Data do óbito: 03/04. Iniciou sintomas de febre e tosse em 01/04, com resultado positivo para Covid-19 em 05/04.

domingo, 5 de abril de 2020

Sindicato emite nota de pesar pela morte de duas técnicas de enfermagem em hospital do Recife.



NOTA DE FALECIMENTO

O SATENPE - Sindicato Profissional dos Auxiliares e Técnicos de enfermagem de Pernambuco, vem, por meio desta manifestar o seu pesar pelo falecimento de duas técnicas em enfermagem do Hospital Getúlio Vargas, no sábado, 04/04/2020, em virtude de terem contraído a COVID-19. 
Nossos mais sinceros sentimentos às famílias dessas profissionais que dedicaram a vida à assistência. 

O SATENPE vê as referidas mortes como o mais doloroso sinal de alerta à falta de proteção adequada para os profissionais que estão na linha de frente no combate ao Coronavírus. Reforçamos nossas cobranças, quanto à falta de EPI's, à Secretaria de Saúde e esperamos que estas mortes não sejam mascaradas, sendo tratadas com o respeito que estas vidas merecem. 

Cobraremos a aplicação da Portaria SES 133/2020, publicada na última sexta, 03/04/2020, quanto ao diagnóstico e afastamento dos profissionais sintomáticos e confirmados, mas frisamos, PRECISAMOS DE PROTEÇÃO/EPI'S. 

Pernambuco tem 201 casos do novo coronavírus. 21 mortes no estado.


A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) informa que confirmou mais 25 casos da Covid-19 no Estado, subindo para 201 ocorrências da doença. Entre os casos novos, 10 são do sexo masculino e 15 do feminino, com idades entre os 25 e 93 anos. Do total de casos confirmados, 87 estão em isolamento domiciliar e 68 internados, sendo 19 em UTI/UCI e 49 em leitos de isolamento. Outros 25 pacientes já estão recuperados.

Os casos confirmados estão distribuídos por 14 municípios (Recife, Jaboatão dos Guararapes, Olinda, Camaragibe, Cabo de Santo Agostinho, Paulista, São Lourenço da Mata, Palmares, Belo Jardim, Caruaru, Petrolina, Ipubi, Aliança e Goiana), além do Arquipélago de Fernando de Noronha e da ocorrência de pacientes em outros Estados e países.

Em relação aos óbitos, foram confirmados mais 7 pela Covid-19, totalizando 21 em Pernambuco. Os novos óbitos confirmados neste boletim são:

1 – Mulher, 69 anos, do Recife. Faleceu em 31.03 em uma unidade privada de Jaboatão.

2 – Homem, 60 anos, de Olinda. Faleceu em 29.03 em uma unidade privada do Recife.

3 – Mulher, 62 anos, do Recife. Tinha diabetes, doença cardiovascular crônica e doença renal crônica. Faleceu em 03.04 em uma policlínica do Recife.

4 – Mulher, 84 anos, do Recife. Tinha doença cardíaca, diabetes e hipertensão. Faleceu em 03.04 em uma UPA do Recife.

5 – Mulher, 55 anos, de Olinda. Tinha diabetes, doença renal crônica e pneumonia crônica. Faleceu em 04.04 no Hospital dos Servidores, no Recife.

6 – Homem, 64 anos, de Palmares. Estava fazendo tratamento contra um câncer. Faleceu em 04.04 em uma unidade privada do Recife. 

7 – Homem, 75 anos, do Recife. Faleceu em 04.04 em uma unidade privada do Recife.

sábado, 4 de abril de 2020

Cientistas acham remédio em testes que "mata" coronavírus 48h após infecção


Em primeiro lugar, atenção: este texto faz referência a um medicamento em estudo e que, por enquanto, ainda não tem eficácia comprovada contra o coronavírus. Ninguém deve comprar ou tomar um remédio sem eficácia comprovada.

Agora vamos para a notícia positiva. Um remédio contra parasitas, usado normalmente no combate a piolhos, mostrou eficácia em testes feitos in vitro contra o coronavírus. O estudo foi feito por pesquisadores australianos da Universidade Monash e do laboratório de infecções virais do Hospital Real de Melbourne, sendo publicado no periódico Antiviral Research.

Na pesquisa, os cientistas usaram o remédio ivermectina, já utilizado no mercado e aprovado para tratamentos médicos, para inibir o coronavírus em cultura de células. O resultado do teste inicial foi efetivo: injetado duas horas após a infecção da célula, a droga com uma única dose erradicou em 48 horas todo o material genético do vírus - em 24 horas, a redução da infecção já era de 93%.

Apesar de animador, os próprios pesquisadores realçam que os testes são iniciais e que as próximas etapas do estudo determinarão se, de fato, o remédio pode ser efetivo ou não. A intenção é evitar usos desnecessários por pessoas pelo mundo com a possibilidade de intoxicação e morte, como já ocorreu com a cloroquina.

"A ivermectina é muito usada e considerada uma droga segura. Mas agora precisamos entender se a dosagem que seria usada em humanos é efetiva e este é o próximo passo", afirmou em comunicado Kylie Wagstaff, chefe da pesquisa e membro do Instituto de Biomedicina de Monash.

A estratégia dos cientistas na pesquisa é semelhante à de outros pelo mundo: o reposicionamento de fármacos. A intenção é abreviar o tempo para que um remédio contra o coronavírus fique disponível. No Brasil, cientistas usam a mesma tática e já selecionaram cinco compostos promissores que estão passando por testes in vitro.


Cautela

A droga entra no rol de mais uma que se mostrou promissora contra o coronavírus em testes in vitro. Anteriormente, a cloroquina, remdesivir, lopinavir, emitine e outras também já se mostraram eficazes na replicação do coronavírus in vitro - ou seja, com células infectadas em laboratório.

A OMS (Organização Mundial de Saúde) tem organizado testes clínicos com cinco compostos, em parcerias com instituições de todo o mundo, para ver se há eficácia de algum remédio em humanos de fato contra o coronavírus.

No estudo sobre a ivermectina, pesquisadores apontam que ela já se mostrou eficaz in vitro contra outros vírus como o HIV, dengue e influenza. No estudo envolvendo o coronavírus, os pesquisadores relembram que a droga deu resultados mistos após testes clínicos na Tailândia envolvendo a dengue.

"A ivermectina foi o foco de teste clínico de fase 3 na Tailândia entre 2014 e 2017 contra dengue, em que uma dose oral única diária foi segura e resultou em redução significante de níveis de proteínas virais, mas nenhuma mudança em viremia (presença de vírus no sangue) ou benefício clínico foi observada", apontam.

Os pesquisadores ainda sugerem que a eficácia pode ser definida pelo regime de doses do medicamento, que pode ser alvo do estudo futuro para verificar a real eficácia em humanos contra o coronavírus. Eles avaliam que o remédio pode ser usado em infecções iniciais - o teste feito ocorreu com doses aplicadas após duas horas de infecção em células.





Fonte:Gabriel Francisco Ribeiro
De Tilt, em São Paulo


Coronavírus no Brasil: País tem 72 mortos em 24h e 10.278 casos confirmados


O Ministério da Saúde anunciou hoje que subiu para 431 o número de mortes pelo novo coronavírus no Brasil —aumento de 72 óbitos confirmados nas últimas 24 horas.

No total, são 10.278 casos oficiais no país até agora, segundo o governo —1.222 casos novos de ontem para hoje—, com uma mortalidade de 4,2%.

A região que mais concentra casos de covid-19, segundo o ministério, é a Sudeste (6.295). Na sequência estão Nordeste (1.642); Sul (1.139); Centro-Oeste (675) e Norte (527).

Rede privada pode ser necessária

O Ministério da Saúde admitiu ontem que pode precisar de leitos da rede privada, embora o SUS (Sistema Único de Saúde) esteja dando suporte aos hospitais particulares na atual fase da pandemia.


O secretário-executivo da pasta, João Gabbardo dos Reis, afirmou que está monitorando a situação dos leitos e que, no momento, a rede privada tem necessitado mais do SUS do que o contrário. "Nós vamos passar a acompanhar e monitorar a utilização dos leitos de UTI tanto da rede do SUS como da rede privada", garantiu.





Fonte:Felipe Amorim
Do UOL, em Brasília

Homem é detido com carga de lingerie roubada no Recife


Um homem de 24 anos que transportava uma carga de lingerie roubada foi detido neste sábado (04), pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), na BR 101, no Ibura, na Zona Sul do Recife. O caminhão utilizado para o transporte da mercadoria portava placas clonadas e havia sido roubado em fevereiro deste ano, em São Lourenço da Mata, na Região Metropolitana da capital.

Policiais do Setor de Operações Especiais da PRF realizavam uma ação de combate ao crime na BR 232, quando avistaram o motorista de um caminhão acessando a BR 101 para não ser fiscalizado. Foi realizado o acompanhamento do veículo, com o apoio do helicóptero da Base de Operações Aéreas do órgão, até que o veículo foi alcançado no quilômetro 73 da rodovia.

Veja o momento da abordagem:


Ao verificar a carga que era transportada, as equipes constataram que se tratava de produtos roubados. O motorista informou que havia sido contratado para transportar a mercadoria até o terminal do Jordão, na Zona Sul do Recife.

O homem foi encaminhado junto com o caminhão à central de plantões da Polícia Civil, localizada na Várzea, na Zona Oeste da capital. No local, será verificado quando a carga foi roubada.