WEB RÁDIO

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

Ator George Clooney contraiu malária no Sudão


O ator americano e ativista humanitário George Clooney contraiu malária em sua recente visita ao Sudão para acompanhar o referendo sobre a separação do país, informou em uma entrevista que será exibida nesta sexta-feira.

O ator brincou que o presidente sudanês Omar al-Bashir, requerido pelo Tribunal Penal Internacional por crimes de guerra e genocídio, poderia ser o culpado pelo mosquito que lhe transmitiu a doença.

"Suponho que o mosquito em Juba me olhou e pensou que eu era o bar", brincou o ator em uma entrevista com o apresentador da CNN Piers Morgan, que substituiu desde a semana passada o lendário Larry King.

Morgan perguntou a Clooney se ele pensava que al-Bashir "tinha soltado estes infecciosos e vingativos mosquitos para que o picassem em sua chegada".

"Sim", respondeu Clooney, "acredito que sim".

A malária pode causar febre, calafrios, inchaço de músculos, náusea, diarreia e cor amarela da pele e dos olhos. Clooney contou que ficou doente duas vezes, mas não deu detalhes sobre os sintomas.

O ator viajou no início de janeiro ao Sudão do Sul para demonstrar seu apoio a esta região subdesenvolvida que realizou um referendo sobre sua independência.



Da AFP Paris

Nenhum comentário:

Postar um comentário