WEB RÁDIO

sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Corpos serão sepultados sem identificação em Friburgo, informa OAB

Alguns dos 246 corpos de vitimas das chuvas em Nova Friburgo serão sepultados sem identificação, uma vez que os médicos-legistas que trabalham na região serrana não estão dando conta de identificar tantos corpos, que já começam a exalar mau cheiro por falta de refrigeração. A Ordem dos Advogados do Brasil do Rio de Janeiro (OAB-RJ), o Poder Judiciário, o Ministério Público, a Defensoria Pública e a Polícia Civil assinaram hoje (14) uma deliberação conjunta de permissão de sepultamentos de corpos sem identificação.

Para que o sepultamento se dê, porém, será necessária a coleta prévia de amostras de tecidos que passarão por exames de DNA (código genético), para posterior identificação dos corpos.

O presidente da OAB-RJ, Wadih Damous, está em Friburgo para prestar assistência às vitimas das chuvas. Amanhã (15), ele segue para Teresópolis. Como os juízes da cidade estão de plantão nas delegacias do município para agilizar o processo de identificação e liberação dos corpos, é provável que não haja a necessidade de liberar os corpos sem identificação.

A OAB-RJ informou, ainda, que o presidente da Comissão de Esporte e Lazer da ordem em Friburgo, advogado Samuel Guerra, perdeu a filha de 13 anos, a mãe, uma tia e uma sobrinha na tragédia. Todas foram sepultadas nesta sexta-feira (14).


Da Agência Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário