WEB RÁDIO

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

Divulgada programação do carnaval do Recife

O carnaval do Recife está mais feminino em 2011. Um dos principais shows de abertura no Marco Zero reunirá 11 cantoras da música popular brasileira, com a participação de Maria Gadú, Marina Lima, Fernanda Takai, Zélia Duncan, Céu, Karina Buhr, Roberta Sá, Mariana Aydar, Isaar, Nena Queiroga e Elba Ramalho (algumas delas também presentes nos palcos dos outro polos). A programação completa foi anunciada pelo prefeito João da Costa em entrevista coletiva cedida na manhã desta quinta.

Essa presença feminina pode ser interpretada como uma homenagem a Dilma, mas também celebra a coincidência do carnaval com o dia internacional da mulher (8 de março, em plena "terça-feira gorda"). Mais uma vez, a programação segue basicamente o mesmo estilo dos dez últimos anos, mas com algumas novidades pontuais, como uma noite dedicada à diversidade sexual no Pátio de São Pedro (sábado, com Preta Gil e outros convidados) e a inclusão de um novo polo descentralizado na Bomba do Hemetério.

Ainda entre as atrações da sexta, destaca-se a presença de Yamandú Costa, Hermeto Pascoal e Carlos Malta no show da orquestra do Maestro Duda (um dos homenageados), que resulta em um encontro entre grandes nomes música instrumental do Brasil. Também no ritual de abertura (antes dos shows de Duda e das mulheres, nessa ordem), Naná Vasconcelos volta a conduzir 500 percussionistas de maracatus nação, que desta vez serão acompanhados por caboclinhos, afoxés e caboclos-de-lança no cortejo iniciado às 18h.

Em 2011, pela primeira vez, a programação dos polos descentralizados recebeu mais investimentos (R$ 2,6 milhões) do que os palcos do Centro do Recife (R$ 2,4 milhões). Com isso, artistas famosos nacionalmente devem tocar na periferia da cidade: Zélia Duncan e Preta Gil em Brasília Teimosa; Emílio Santiago, Lia de Itamaracá e Alceu Valença em Chão de Estrelas; Vanessa da Mata, Nação Zumbi, Pitty, Demônios da Garoa, Raimundos e Reginaldo Rossi em Casa Amarela; Demônios da Garoa em Jardim São Paulo; Marcelo D2, Lenine e Eddie no Alto José do Pinho; Otto, Marina Lima, Original Olinda Style, Mart′nália, Di Melo (com A Roda) e B-Negão (com Gerson King Combo) na Várzea; Pitty, Elba Ramalho e Mombojó no Ibura. Jorge Aragão na Bomba do Hemetério. Pitty e Alceu em Nova Descoberta.

Também no palco do Marco Zero, se apresentam, na noite de sábado, Vanessa da Mata, Lenine e um show especial de Otto com Lirinha. No domingo, Marcelo D2, Nação Zumbi, Antônio Nóbrega e Orquestra Popular da Bomba do Hemetério. Na segunda, Mart′nália e Jorge Aragão. Alceu Valença, Elba Ramalho e a Orquestra do Maestro Spok na terça. Além de Preta Gil, o Pátio de São Pedro recebe artistas como Marina Lima, Júnio Barreto (com novo disco), Karina Buhr e DJ Dolores (com a volta da Orquestra Santa Massa).

Além de todos esses convidados famosos nacionalmente (muitos deles de outros estados), a programação contempla as peculiaridades da diversidade musical pernambucana, com nomes que vão de André Rio (frevo) a Matalanamão (punk rock). Também foram anunciadas as atividades da semanas pré-carnavalescas, que tem, entre as novidades, um festival dedicado ao reggae (26 e 27, na Rua da Moeda), com a participação de um convidado internacional, o artista Pax Nindi, do Zimbábue.

Segundo Renato L (secretário de cultura), as programações do Rec Beat e da Tenda Eletrônica, que ainda não têm datas para serem anunciadas, concentrarão a maior parte dos convidados de outros países e de música "de vanguarda". Baiana System, Felipe Cordeiro, Mombojó e Patrick Tor4 são as únicas atrações confirmadas pelo Rec Beat por enquanto.






Fonte: DIARIODEPERNAMBUCO.COM.BR

Nenhum comentário:

Postar um comentário