WEB RÁDIO

quinta-feira, 16 de julho de 2020

Jaboatão entrega barracas a artesãos e cestas básicas a profissionais do transporte complementar

Foto: Chico Bezerra/PJG

A Prefeitura do Jaboatão dos Guararapes entregou, na manhã desta quinta-feira (16), 80 barracas para artesãos que atuam no setor de economia solidária do município. A aquisição dos equipamentos faz parte de um convênio realizado com o Governo Federal, com programação em cinco metas, e com o objetivo de fomentar a economia da cidade. Atualmente, a prefeitura possui 500 profissionais deste setor cadastrados, que desde o início da atual gestão foram contemplados com cursos de qualificação, capacitação e aperfeiçoamento, além de seminários temáticos e exposições para comercialização de produtos.

De acordo com o secretário-executivo de Trabalho, Qualificação e Empreendedorismo, Daniel Pessoa, essa é uma das fases finais do programa Jaboatão Gerando Renda Solidária, e de um planejamento que foi feito desde o início da atual gestão. Segundo ele, todo o planejamento foi pensado para garantir a emancipação dos artesãos do município.

"A orientação do prefeito Anderson Ferreira é de sempre nos anteciparmos para que, mais na frente, a gente não esbarre com nenhuma adversidade que possa atrapalhar nossa programação. Estamos chegando ao fim do primeiro mandato sem atrasos nos prazos de entrega e qualificação desses profissionais", ressaltou Daniel.

Artesã atuante no município, Zorilda Carneiro reforçou que a entrega das barracas vem para ajudar os artistas a se reerguer em um momento de pandemia. "A antiga gestão levou todos os equipamentos que havíamos conquistado. Agora, com o fechamento do comércio [por causa da Covid-19], nos vimos sem saída, novamente. É importante saber que a prefeitura está do nosso lado para nos reerguer", comentou.

CESTAS BÁSICAS

Ainda na manhã de hoje, a Prefeitura do Jaboatão dos Guararapes deu início à segunda fase da distribuição de alimentos a mais de 600 motoristas e cobradores do Sistema Complementar do Transporte Público do município. Até amanhã, serão entregues, no Centro Cultural Miguel Arraes, em Prazeres, 12 toneladas de alimentos aos profissionais. Essa é a segunda distribuição às duas categorias realizada pela gestão, em virtude da crise provocada pela Covid-19 - devido ao isolamento social, esses trabalhadores perderam renda por conta da queda na arrecadação de passagens.

Nenhum comentário:

Postar um comentário